Finanças

Arábia Saudita: por que Brasil é central no plano bilionário de investimentos do país na América Latina


Lula e comitiva brasileira com autoridades da Arábia Saudita. Avião da FAB ao fundo.

Crédito, RICARDO STUCKERT/PR

Legenda da foto, Lula viajou em novembro a Riad, capital da Arábia Saudita, única nação do Oriente Médio a participar do G20 e forte aliada dos Estados Unidos na região

Seguindo as linhas definidas pelo príncipe herdeiro saudita Mohammed bin Salman no plano econômico que intitulou de Visão 2030, a monarquia árabe demonstra um interesse crescente na região e aumentou recentemente a sua presença econômica e diplomática.

As exportações sauditas para a América Latina, que, em 2019, atingiram o valor de US$ 2,8 bilhões, atingiram pouco mais de US$ 4,5 bilhões em 2023, uma alta de 38,8%.

As importações passaram de US$ 3,8 bilhões em 2019 para quase US$ 5 bilhões em 2023, um aumento de 23,6%.



CNN

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo